Independente


Feliz aniversário, Brasil! Rumamos aos 200 anos de independência (já são 193!) em meio a uma das maiores crises da nossa história.

  • Nossas finanças públicas estão em frangalhos. Nossa dívida pública está saltando de R$ 2.3 tri em 2013 (53% do PIB) para perto de R$ 4.4 tri no fim do ano que vem (quase 70% do PIB).
  • Escândalo de corrupção. Alguns dos maiores nomes da política nacional estão envolvidos no Petrolão. São tantos políticos envolvidos no desvio de dinheiro público para financiamento de campanha que já não se sabe se sobrará alguém para apagar a luz.
  • Inflação altíssima. Mesmo com commodities em queda, a correção de preços administrados e núcleos de inflação resistindo à desaceleração econômica, o IPCA corre o risco de chegar a 10% neste ano.
  • PIB em queda franca. A nossa economia, que chegou a ser a sexta do mundo, corre o risco de sequer ser Top 10, sendo ultrapassada por Índia, Rússia e Itália. Estamos em meio à maior desaceleração em décadas!
  • Impopularidade recorde. Após o festival de mentiras de campanha, o brasileiro sofre. Consequência: nunca antes na história desse país um presidente foi tão impopular. Sem apoio no legislativo, Dilma vem perdendo várias batalhas no congresso e não consegue governar.

(Arte: brasil.gov.br)

Em meio a uma situação tão grave, é razoável se perguntar: temos o que comemorar?

Sim, e muito.

  • Nossa democracia está consolidada. Mesmo com um desgoverno no comando, pouco se fala em golpe de Estado. A oposição é consciente e busca, pelas vias legais, o impedimento da presidente. É sempre bom lembrar que impeachement é parte integrante da democracia.
  • Corruptos e corruptores estão sendo investigados. Isso ainda é incomum, mas exemplar. Grandes empresários estão sendo encarcerados e irão pagar por participar da corrupção.
  • Participação política. Há não muito tempo, o envolvimento político do brasileiro era praticamente irrelevante. Após as eleições, dificilmente se via manifestação de inquietude ou defesa com os rumos do país. Isso mudou. Em 2013, as manifestações tomaram o país. Desde então, a voz das ruas não deixa o governo em paz. Contribui para isso, também, a proliferação das redes sociais. Hoje, todos têm voz.

Hoje é dia de comemorar. Parabéns, Brasil. Vamos em frente, construir um país mais justo, equilibrado e próspero.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: