Marielle Franco – para nunca mais esquecer


O Brasil é violento. O Rio passa por um dos piores momentos de sua história. Mas o assassinato de Marielle Franco vai muito além disto.
Na tentativa de silenciá-la, seus carrascos amplificaram sua voz.
Em ao menos 19 cidades, manifestantes ecoaram seu grito por justiça social e racial.
Não quero focar no fato de que seus assassinos pensaram poder ficar impunes a tamanha violência.
Prefiro a voz das ruas. De todos aqueles que Marielle representava com dignidade.
Prefiro a voz de Marielle, através de seu exemplar trabalho como representante de minorias. Que, em menos de dois anos como representante civil, apresentou ao menos 15 projetos de lei para melhorar a saúde e educação e garantir a visibilidade e o respeito a mulheres, pretos, crianças, LGBTs.
Que seu legado dure mais que alguns dias, que sua voz nunca se silencie, que, como Martin Luther King Jr. teve que ser assassinado para virar um mártir do Civil Rights Movement estadunidense, a voz de Marielle Franco marque nossa história.
E em Outubro, que lembremos de sua voz ao escolher nossos representantes.
Leia mais sobre Marielle na Trip.
Anúncios
Etiquetado , , , , , , , ,

Um pensamento sobre “Marielle Franco – para nunca mais esquecer

  1. Herbert disse:

    Ela morreu não pelas causas que defendia, até muito justas, mas por ter sido eleita com apoio de uma facção criminosa e traiu esta facção por outra. Ou seja, no meu ponto de vista, era criminosa também e aparentemente foi aniquilada por facção contrária. Bandido matando bandido.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

Anúncios
%d blogueiros gostam disto: